A Revolução Francesa

A Revolução Francesa foi feita pelo
povo da França entre 1789 e 1799. O objetivo original, que era criar
uma monarquia constitucional e reformar a estrutura econômica e política
da nação, logo se transformou em um movimento que promoveu a queda do
rei e estabeleceu uma república. No curso da revolução,
as terras que eram amplamente controladas por parte da Igreja Católica Romana e por senhores feudais foram tomadas pelo governo e vendidas
para a burguesia (classe média) e para os camponeses. A Primeira República foi estabelecida
e milhares de pessoas acusadas de se oporem à forma republicana de governo
foram mortas.

Revolução francesa
© istockphoto.com / Hulton Archive
Reprodução de cena da tomada da Bastilha,
um dos fatos marcantes da Revolução Francesa

A Revolução foi seguida
pela ditadura de Napoleão e, em 1815, pelo retorno da
monarquia. Mas, os franceses aprenderam que a desigualdade não precisava
existir e que nunca mais seriam dominados como antes pela
classe privilegiada. O sucesso da Revolução Americana ajudou
a incentivar os franceses a se revoltarem. Com isso, a Revolução Francesa,
apesar de seus excessos, difundiu as ideias de liberdade e igualdade
por toda a Europa.