Tipos de dentes

Autor: 
Shanna Freeman

Os dentes não são impressões digitais, pois não são únicos desde o nascimento. Quando crescem, ou irrompem, eles o fazem de modo diferente em cada pessoa. Os dentes crescem em média 4 micrômetros por dia, então é possível atribuir uma idade estimada baseada neles. Também é possível distinguir certas etnias, já que alguns asiáticos e nativos americanos possuem incisivos com as partes posteriores cavadas.

Os padrões da arcada também podem mudar com o tempo. Além de identificar as pessoas pelos seus dentes, é possível também aprender muito sobre o estilo de vida e hábitos pelo estado da arcada dentária.

Apesar de cada dente ter um nome diferente, nós temos vários de cada tipo. Por exemplo, uma arcada adulta inclui dois incisivos centrais superiores e dois incisivos laterais superiores. Logo, cada dente precisa de uma designação individual. Há varios métodos em uso para nomear os dentes, mas os três mais populares são o Sistema Universal, o Método Palmer e a anotação da FDI (Federação Dentária Internacional).

Nos Estados Unidos, a maioria dos dentistas usa o Sistema Universal. Neste sistema, cada um dos 32 dentes adultos possui um número. O número um é o terceiro molar superior direito, enquanto o número 32 é o terceiro molar inferior direito. Os 20 decícuos, ou dentes de leite, são designados pelas letras de A a K ou pela combinação número-letra de 1d até 20d.

Alguns dentes, como os molares, têm superfícies múltiplas. Cada uma dessas superfícies tem um nome. O centro do dente é a superfície de mordida, conhecida como oclusal. Essa superfície tem dois elementos: as cúspides, ou saliências, e os ranhuras, ou sulcos. A superfície mesial do dente é voltada para a frente da boca, enquanto a superfície distal é voltada para trás. O lado voltado para dentro da boca é a superfície palatal na mandíbula superior (lingual na mandíbula inferior). A superfície do dente voltada para a bochecha é a bucal. Então, se você fizer uma obturação no distal do número 15, você saberá que isso significa a superfície voltada para a parte de trás da boca no seu segundo molar superior (ou molar dos 12 anos).


Surfaces of the back teeth

Quando você vai ao dentista fazer um check-up, ele usa uma tabela do Sistema Universal e faz uma anotação de cada dente para mostrar variações, como lascas, e intervenções dentárias, como obturações, coroas e pontes. O dentista também inclui observações sobre a saúde dos dentes, como gengivas recuadas, ou sinais de doenças periodontais. A maioria das consultas envolve o uso de raios-X, que também podem mostrar intervenções difíceis de perceber, como canais.

Na próxima seção, veremos como os dentistas forenses usam esses registros na identificação dos dentes.