Informações básicas sobre Israel

Israel

Histórico

Após a Inglaterra deixar a Palestina em seguida à Segunda Guerra Mundial, as Nações Unidas dividiram a região em estados judeu e árabe. Israel derrotou os exércitos árabes em uma seqüência de conflitos. Foram mantidas negociações entre os representantes de Israel, da Síria e da Palestina para estabelecer um assentamento permanente, de acordo com as regras ditadas pela Conferência de Madri em 1991. Em 1993, uma Declaração de Princípios foi assinada entre a Palestina e Israel, permitindo um período temporário de governo autônomo palestino. Em 2003, o presidente Bush, juntamente com a Rússia, a ONU e a UE, desenvolveu uma estrutura para um acordo para o conflito. A eleição do Hamas, em 2006, prejudicou ainda mais as relações com Israel.

Israel

Israel

Capital: Jerusalém

Língua oficial: hebreu

Nome oficial: Estado de Israel

Descrição
da bandeira:
branca com um hexagrama (estrela linear de seis pontas)
conhecido como Magen David (o Escudo de Davi) centralizada entre duas
faixas horizontais iguais azuis próximas à parte superior e inferior
da bandeira.

Maior(es) cidade(s): Jerusalém, Tel Aviv.

Área: 20.770 km2

Coordenadas: 31 30 N, 34 45 E

Fronteiras: banhado pelo Mar Mediterrâneo e com fronteiras terrestres com o Egito, Faixa de Gaza, Líbano, Síria e a Cisjordânia.

Dados populacionais

  • População: 7.112.359 (julho de 2008).
  • Taxa de natalidade: 20,02 nascimentos por 1.000 habitantes (2008).
  • Taxa de mortalidade: 5,41 mortes por 1.000 habitantes (2008).
  • Grupos étnicos: judeus (76,4%) (nascidos em Israel (67,1%), nascidos na Europa/Estados Unidos (22,6%), nascidos na África (5,9%), nascidos na Ásia (4,2%)), não judeus, na maioria árabes (23,6%).
  • Principais religiões: judaica (76,4%), muçulmana (16%), cristãs árabes (1,7%), outras cristãs (0,4%), druzos (1,6%), não especificadas (3,9%).
  • Línguas: hebreu, árabe usado oficialmente pela minoria árabe, o inglês é a língua estrangeira mais comumente usada.


Economia

Apesar de possuir uma avançada economia de mercado, Israel depende da importação de grãos, equipamento militar e petróleo cru. Durante os últimos 20 anos o país desenvolveu intensivamente sua base industrial e agrícola. As principais exportações incluem diamantes lapidados, produtos agrícolas e equipamento de alta tecnologia.

  • Indústrias: projetos de alta tecnologia (inclusive aviação, comunicações, projetos e fabricação auxiliados por computadores, aparelhos médicos eletrônicos, fibra óptica), produtos de madeira e papel, potassa e fosfatos, alimentos, bebidas, tabaco, soda cáustica, cimento, construção, produtos de metal, produtos químicos, plásticos, lapidação de diamantes, têxteis, calçados.
  • Taxa de desemprego: 7,3% (2007).
  • População abaixo da linha da pobreza: 21,6%.
  • Exportação: petróleo, maquinaria e equipamento, software, diamantes lapidados, produtos agrícolas, produtos químicos, têxteis e vestuário.
  • Importação: matérias primas, equipamento militar, bens de capital, diamantes brutos, combustíveis, grãos, bens de consumo.

Meio ambiente

  • Porcentagem de área terrestre coberta por florestas: 8,3% (2005).
  • Emissão de dióxido de carbono (em milhares de toneladas métricas de CO2): 71.246 (2004).
  • Proporção total da população que utiliza água tratada: 100% (2006).
  • Proporção total da população que utiliza serviços de saneamento: não divulgado.

Israel

Governo

  • Tipo: democracia parlamentarista.
  • Sistema legal: mistura do direito consuetudinário inglês, regulamentos do mandato britânico e, em questões pessoais, sistemas legais judeu, cristão e muçulmano; em dezembro de 1985, Israel informou o secretariado da ONU que não iria mais aceitar a jurisdição compulsória da ICJ (Corte Internacional de Justiça).
  • Feriado nacional: Dia da Independência (14 de maio de 1948). Nota – Israel declarou a independência em 14 de maio de 1948, mas o calendário judeu é lunar e o feriado pode ocorrer em abril ou maio.
  • Constituição: nenhuma constituição formal; algumas das funções de uma constituição são preenchidas pela Declaração de Fundação (1948), pelas leis básicas do parlamento (Knesset) e pela lei de cidadania israelense. Nota – desde maio de 2003, o Comitê de Constituição, Direito e Justiça do Knesset vem trabalhando no rascunho de uma constituição.

Geografia e turismo

  • Localização: Oriente Médio, margeando o Mar Mediterrâneo, entre o Egito e o Líbano.
  • Clima: temperado; quente e seco no sul e nas áreas de deserto no leste.
  • Principais atrações: monte Hermon, deserto da Judéia, Mar Morto, antigas cidades bíblicas.
  • Vacinas: hepatite A, hepatite B.
  • Distância do Brasil: 10.300 km (a partir de Brasília).
  • Moeda: novo shekel israelense. Nota – NIS é a abreviatura da moeda; ILS, para a Organização Internacional de Normatização.

Artigos relacionados

 

Fontes