Como funciona a hipnose

Autor: 
Tom Harris

Selo HowStuffWorks

Ao ouvir a palavra hipnose, talvez você visualize a figura de um hipnotizador misterioso, que sempre aparece em filmes, revistas em quadrinhos e na televisão. Este homem sinistro de barbicha balança um relógio de bolso pra frente e pra trás, fazendo com que a pessoa entre num estado de semi-sono, parecendo um zumbi. Uma vez hipnotizada, a pessoa é forçada a obedecer, não importa se o pedido é estranho ou imoral, e murmurando "sim, mestre", ela obedece às ordens perversas do hipnotizador.


Com certeza, esta descrição popular tem pouca semelhança com o hipnotismo real. Na verdade, especialistas modernos em hipnose contradizem este conceito em vários pontos-chave. Pessoas em transe hipnótico não são escravas de seus "mestres", elas têm total livre-arbítrio. Além disso, não estão em estado de semi-sono, na verdade, elas estão hiperatentas.

Nosso conhecimento a respeito da hipnose avançou muito no século passado, mas o fenômeno ainda é um grande mistério. Neste artigo, daremos uma olhada em algumas teorias populares sobre hipnose e exploraremos as diversas maneiras dos hipnotizadores colocarem sua arte para funcionar.