Como funciona o calendário maia

Autor: 
Ryan Johnson
calendário maia

A maioria das pessoas ao redor do globo consulta algum tipo de calendário todos os dias. Os executivos de empresas usam para ver se têm reuniões estão agendadas. A mãe ocupada confirma os treinos de futebol e as aulas de piano. Os estudantes de faculdade se certificam de que seus trabalhos serão entregues em dia e de que terão bastante tempo de estudar para seus exames de história. Para os antigos maias, os calendários eram tão importantes para a vida diária como são para as pessoas de hoje. Nesse artigo, nós veremos como o calendário maia surgiu e o significado de cada tipo de calendário que os maias inventaram. Primeiro, vamos ver um pouco da história dos maias.

Calendário maia
Stephen Sweet/Dreamstime
Um tradicional calendário maia

Os maias se originam de uma região chamada Mesoamérica, ou América Média. A região fica entre o México e a América do Sul e era o lar de muitas outras culturas, incluindo os astecas, os olmec, os teotihuacan e os toltec. Os maias viveram onde hoje está a Guatemala, Belize, Honduras, El Salvador e o sul do México (Yucatán, Campeche, Quintana Roo Tabasco e Chiapas).

A história maia é dividida em três períodos:

  • formativa ou Pré-clássica: 2000 a.C. até 300 d.C;
  • clássica: 300 d.C. até 900 d.C;
  • pós-clássica: 900 d.C. até a Inquisição espanhola em meados de 1400.

Os mesoamericanos começaram a escrever na metade do período pré-clássico . Os maias foram os primeiros a manter um tipo de registro histórico e então, surgiram os primórdios do calendário. Os maias utilizavam os stelae, ou monumentos de pedra, para marcar os eventos civis, os calendários e o conhecimento em astronomia. Eles também registraram suas crenças religiosas e a mitologia em cerâmicas.

Os maias não foram os primeiros a usarem um calendário - existiram calendários antigos usados por civilizações do mundo todo - mas eles realmente inventaram quatro calendários diferentes. Dependendo de suas necessidades, os maias usavam diferentes calendários para registrar cada evento, sejam sozinhos ou uma combinação de dois calendários.

Na próxima página, veremos o primeiro calendário utilizado pelos maias, o calendário Tzolk'in.

A matemática maia

Junto com seus avanços do calendário, os maias também inventaram seu próprio sistema de matemática. Eles usavam uma série de pontos e barras para escrever os números. Um ponto era igual a uma unidade enquanto que uma barra significava cinco unidades. Um símbolo de concha significava zero.

Sistema matemático maia-1-20
2007 HowStuffWorks
Sistema matemático maia-1-20


Em um sistema parecido com o que usamos hoje, os maias utilizavam valores para designar números grandes. Todavia, as semelhanças acabavam aí. Os valores eram verticais, enquanto que os nossos são horizontais. Por exemplo, nós escrevemos o número 27 horizontalmente - o número 2, e depois o número 7 à direita. Os maias escreviam o número 27 verticalmente - o símbolo do número 7 (uma linha com dois pontos sobre ela) ficava na parte de baixo e o símbolo de 20 (um ponto na linha acima) estaria diretamente sobre ele. O mesmo se aplica para outros número como o 29.

Matemática maia - 27

Matemática maia - 27

Matemática maia - 29

Matemática maia - 29